Christian Benimana - MASS Design Group

Rwanda

Ruanda

Christian Benimana is a member of Mass Group in Rwanda. He strongly believes that the architecture of a place can have a profound effect on the user, and that every architecture project should have a transcendent idea. How can a hospital building better heal its patients, and how can the structure of a school help its students learn.

 

Examples of the work of Mass Group are the Rwinkwavu NICU/OR project, an Intensive Care Unit that focused on how the architecture could help heal the patients of the center, and the Maternity Waiting Village project in Malawi, that aimed to reduce maternal mortality with the building as a shelter. They realized a “village” by creating clusters of four-bed units around small courtyards, offering women a protected, comfortable, and dignified space in which to carry out daily activities. Designed around replicable modules and built from locally-made CSEB (compressed stabilized earth blocks), the facility can be replicated and adapted to other sites as part of the country’s drive to improve maternal health. In this project women took part as builders and women were also asked to add decorations.

Christian Benimana é sócio do grupo Mass, em Ruanda. Ele acredita firmemente que a arquitetura de um lugar pode ter um efeito profundo no usuário, e que cada projeto arquitetônico precisa ter uma idéia transcendental. Como um prédio de hospital pode curar melhor seus pacientes, e como a estrutura de uma escola pode ajudar na aprendizagem dos estudantes.

Exemplos de trabalho do grupo Mass são o projeto Rwinkwavu NICU/OR, uma unidade de Tratamento Intensivo focada na arquitetura, que visa contribuir com a cura dos pacientes do centro, e o projeto de Maternity Waiting Village em Malawi, que tentou reduzir a mortalidade materna, com o prédio como abrigo. Foi construída uma "vila" para a criação de grupos, com quatro camas ao redor de pequenos pátios, oferecendo às mulheres um espaço protegido, confortável e digno, onde elas podem fazer suas atividades diárias.

 

Desenhada em módulos replicáveis e construída com CSEB (blocos de terra estabilizada por compressão) feito localmente, a instalação pode ser montada e adaptada para outros lugares, como parte do trajeto nacional para melhorar a saúde materna. Neste projeto as mulheres participaram como construtoras e também como decoradoras.